Conheça o Ibrawork, HUB de inovação que quer transformar São Paulo em uma Smart City

21/11/22
|
Publicado por 
Redação Start

Iniciativa da Ibrachina busca startups interessadas em aplicar soluções tecnológicas para promover mudanças reais na capital paulista

São Paulo, outubro de 2022 - Smarts Cities são cidades que aplicam soluções tecnológicas para aprimorar diversos aspectos do cotidiano, como infraestrutura, mobilidade urbana, sustentabilidade, entre outras questões que impactam o dia a dia de cada morador. A cidade de São Paulo caminha para aprimorar todos esses componentes e, para acelerar o processo, o hub de open innovation Ibrawork, foi criado para acelerar startups que têm um plano inovador para transformar a sociedade como um todo.

Fundado por Thomas Law, líder na comunidade chinesa paulistana, e fomentado pelo Instituto Sociocultural Brasil China (Ibrachina),  o Ibrawork avança rapidamente com projetos concretos na capital paulista. A ideia é que sejam descobertas soluções para mobilidade urbana, gestão de resíduos, economia de água, segurança pública e todas as frentes necessárias para melhorar o cotidiano de toda a população.

Para explorar todas as formas de tornar São Paulo mais inteligente, Tania Gomes, diretora de inovação do Ibrawork, explica que é preciso movimentar toda a comunidade tecnológica e de inovação para que ela foque seus esforços em transformar o cotidiano de todos. “Não faltam startups com potencial tecnológico de transformar São Paulo em uma cidade inteligente. Nossa missão é encontrá-las e direcioná-las às principais dores vividas pelos paulistanos. Hoje percebemos que ainda há muito o que descobrir”, conta a executiva.

Nessa missão de encontrar as soluções ideais para os problemas reais de São Paulo, foi finalizado recentemente o primeiro programa de aceleração do Ibrawork, chamado Esfera. Algumas startups participaram do programa que, após meses, apresentaram suas soluções a um grupo de investidores. A startup de análises preditivas da indústria 4.0 Tebe foi a vencedora, e vai apresentar sua solução em Dubai, no GITEX Dubai 2022.

Além disso, o primeiro projeto, já em andamento em São Paulo, é o Mercadão for Startups, programa de inovação aberta que vai levar toda a disrupção do ecossistema de startups para transformar o Mercadão Municipal da cidade e o Mercado Municipal Kinjo Yamato.

Em uma parceria  entre o Ibrawork e a Mercado SP SPE S.A, concessionária responsável pela administração das instituições, o projeto tem como foco conectar soluções de alto potencial das startups que possam agregar valor aos negócios dos mercados. Além disso, a ideia é que ideias disruptivas auxiliem comerciantes na geração de novas fontes de receitas e melhorias internas, como evitar o desperdício de sobras dos lojistas.

As startups selecionadas terão a possibilidade de parceria, investimento e/ou aquisição, pela concessionária responsável pelos mercados. Inicialmente, serão selecionadas dez startups dos segmentos de fintech, foodtech, big data e IOT, agtech, logtech, energitech e mobilidade. As inscrições ainda estão abertas e podem ser feitas por meio deste link.

Sobre o Ibrawork

Fundado por Thomas Law, o Ibrawork é um hub especializado em inovação e que desenha programas personalizados de inovação aberta, cultura e comportamento e gestão da inovação para empresas dos mais diversos setores. Além disso, consistentemente abre seu espaço em São Paulo para eventos e programas que sigam o mesmo propósito.

Confira mais posts do Start